19 setembro 2013

Sê alguém que te faça feliz e evita riscos psicossociais


Um dos principais motivos pelos quais o indíce de felicidade pode e deve ser melhorado são os riscos psicossociais aos quais as pessoas se expõem diariamente.

O stress é provavelmente a doença do século XXI e o maior risco psicossocial laboral da actualidade no mundo dito "ocidental".
É um risco silencioso, não se manifesta, não é mensurável e quando é detectado não raras as vezes é tarde demais para as vítimas.

A causa
O stress tem várias causas, normalmente de caractér cumulativo, excesso de formalidade, envolvimento básico, relações sociais tensas, alcóol, drogas, problemas de natureza familiar ou económica, problemas psicológicos, telejornais em demasia ou um governo como o de Portugal.

O individuo
Normalmente, o stress é a simples incapacidade do indivíduo lidar com a realidade que criou, porque de alguma forma aquilo que desejou no passado, não está em consonância com o seu conjunto de crenças (limitadoras ou potenciadoras) realinhadas depois do contacto real e de alguma forma transformaram o indivíduo.

A solução
É preciso saber largar o copo e descomprimir, não se sentir forçado a agir reactivamente ao mundo exterior, mas deixar-se guiar e agir espontaneamente, convém estabelecer objectivos concretos e atingíveis no prazo, mas sempre respeitando os tempos de integração de novas crenças de cada um...

O processo
Trabalhando correctamente as suas crenças e transformando-as em potenciadoras de acção, pode atingir o inimaginável.
Compreendo os processos intuitivos, estabelecendo o poder da intenção, da simpatia e da gentileza é gerador de bom karma e boa aura em torno de si.

Exemplos: "Aquilo que atrais é aquilo que reflectes", "Somos o que reflectimos" ou "Se queres mudar o mundo, muda primeiro a ti próprio"... And so on.

O resultado

O conflito interior deixa de existir, existe clareza em todas as situações, de acção, pensamento e discurso.
A facilidade de se SER, natural e sem espinhas.
Gostaria de se conhecer a si próprio? Claro que sim, se o seu molhinho de crenças estiver alinhado com a realidade que está a experienciar é porque é feliz, caso necessite de ajustes coloque em formato desejo, naquilo que "gostaria que fosse", siga em frente e reconheça que tudo chega exactamente à sua medida e na altura certa.
Seja grato pelo que tem e pelas dádivas que o universo proporciona.

Alteração comportamental percepcionada...

A vida torna-se mais fácil, fluída e elástica...
Rejuvenesce, dizem.
É bom sentir-se excelente na sua própria pele.
É revigorante e elimina todo e qualquer resquício de riscos psicossociais...

P.s- Deixe de ver telejornais!




Sem comentários:

Enviar um comentário