15 novembro 2012

Cuidado com as cargas


Nota introdutória:

Como Técnico de Segurança, sinto-me no dever de informar os demais acerca dos malefícios de uma "carga excessiva".
Tal como ilustrado na imagem, o excesso de cargas pode resultar em dano elevado, prejuízo material e/ou humano.
As motivações deste "erro humano sistemático", derivam de 3 motivações essenciais.

A saber:

1- Simples desconhecimento do funcionamento da máquina e adequabilidade da carga
2- Atalhar em tempo
3- Estar "sob chicote" para manutenção níveis de produtividade, pondo em risco todo o sistema homem-máquina

Probabilisticamente, aumentam em muito as hipóteses de ocorrer um (ou vários) fenómeno(s) derivado(s) do excesso de cargas.
E claro, comportamento gera comportamento...
Se a isto juntarmos todas as variáveis psicossociais que motivam cada individuo.
Percebe-se porque vi Passos vestido de talhante, a encher chouriços e salsichas, apregoando as carnes...

Manifs e quê?

Todos dias há manifs e greves, os sindicatos demarcam-se porque estão vinculados a partidos, que as pessoas, renegam,, hoje os artistas, amanhã os médicos, sempre os professores...
Tudo a saltos de coelho, quer fiquem ou emigrem.
Uma leitura clara que o sistema actual não corresponde às necessidades crescentes...
Num universo infinito e pleno de abundância (assim consiga o nosso coração abranger e a mente conceber), fará sentido manifestarmo- nos pelo que não queremos, ao invés de reinvindicar o que queremos???
Hoje como nunca a sociedade exige participação

 

Sem comentários:

Enviar um comentário