07 maio 2012

A França votou no 50-50(*)



Foi sem surpresa aqui na tasca que Hollande ganhou as presidenciais Francesas 2012.
Não percebi bem, se Hollande ganhou as eleições ou se Sarkozy as perdeu!
Com escassos 20% de abstenção, foi uma corrida às urnas para expulsar o odioso anão de conluio com a infodível e intragável bávara...

Mas não seria exactamente esse, o plano desde o inicio?

A terrível dicotomia inexistente entre uma esquerda e uma direita financiadas pelas mesmíssimas gentes, vai mudar verdadeiramente alguma coisa?

17 anos depois, a esquerda volta a sentar a "peidola" nos campos Elísios e Hollande apressa-se a prometer "repensar a Europa"... (whatever that means!), "voltá-la para o crescimento, emprego e futuro" e promete ser o presidente de todos... Os Franceses pelo menos...

Mais original que Hollande (que disse outras "chachadas" eleitorais...) foi a capa do Correio da Manhã, ao afirmar que o sexo oral pode provocar cancro...
O Farplex sobrepõe-se à originalidade de Hollande e do Correio da Manhã, indo mais longe no domínio da originalidade com o seguinte título:

" Saúde provoca Sexo Oral em tempo eleitoral... (E não só!)."

Certo que muitos exclamarão:
"É um ultraje à moral, sexo oral, em tempo eleitoral"
Talvez seja...

Eu acredito que em tempo eleitoral, o sexo é de hora à hora e oralmente vão nos fodendo com a mesma conversa... Sem qualquer réstia ou vestígio de moral!

Posto isto, e depois do episódio "Obama deception", seria previsível que a generalidade das pessoas, já tivesse percebido que trocar esquerda por direita e vice-versa para resolver problemas criados pelos próprios não é grande solução...

Os media, reduzem a escolha de candidatos a um 50-50(*), tão tendencioso como estupidamente previsível no seu desfecho...
Fazem-se promessas e a suposta esperança sai renovada.

Antecipa-se já um esgar da Europa bipolar...
De um lado os pseudo falidos do sul da Europa, a União Mediterrânica e a óbvia curva à esquerda, que tende a apertar à esquerda e consequentemente do outro lado, à direita.
Os Clássicos Greco- Latinos, do calor e do mediterrâneo Vs frios bárbaros dos mares do norte...
Este é o sonho da esquerda Banking System... Para já.
O modelo da direita, é de servir o modelo de canibalismo Alemão, na qualidade de "canibalizado"...
E adivinhe-se, de escravo eterno do Banking system...

É muito provável que o leitor posicionado no espectro político actual diga, que é impossível viver sem bancos, sem isto ou sem aquilo... Todo o sistema é baseado no medo, na carência, na falta e na escassez!
Quando na verdade a crise é motivada por excesso e abundância de produção dos imensos e ultra obesos grupos económicos, ou seja, há muito mais do que suficiente para todos, muito muito mais...

Distribuir os recursos ou destrui-los?
Esses recursos terão que ser gastos algures...

A forma mais rápida de consumir recursos, é a merda da guerra...
Coisa da qual já deveríamos estar fartos até ás orelhas por exemplos anteriores de fanatismos vários!
Distribuir sem lucro!? Ensandeceu de vez...
Para esta gente, tanto faz a Europa cortada em dois ou dominada sob a mesma bandeira ou país...
Neste caso, o BCE...que por acaso até fica na Alemanha...

A eleição Francesa de hoje foi a troca previsível de bonecos...
Sarkozy estafou-se em merda até ao pescoço e Hollande ganhou como esperado.

Merkel já telefonou ao presidente Francês para reunir...

Mas o que assusta mesmo, é gente, que já anda aí a falar em "eixos de políticas"... E a afiar o dente!
Aqui na cibertasca não gostamos muito de "eixos", já vimos que é costume descarrilar para a estupidez!

Na Grécia, já se fala em "União das Esquerdas"...
Ficaria deveras surpreendido se António José Seguro "falasse no assunto" aplicado ao contexto nacional...
Poderia ser o seu acto definitivo de purga, ruptura moral e ideológica com um partido pouco ou nada socialista...!
Mostrava coragem política, algo que não existe, senão na base da arrogância de quem já ocupa o lugar.
(Pense nisso doutor... E não se esqueça de deixar uma boa gorjeta à saída da cibertasca, há conselhos que valem ouro...)
Haja tomates!

Ou então é naturalmente trucidado por tudo e todos, dentro e fora do partido...
Agora escolha!
Como aquele programa da RTP2 com a Vera Roquete...

(*)malditos 50% de desconto, não me saem da cabeça, davam cá um jeitaço em combustíveis, tabaco, energia, telecomunicações e tecnologia...


Resumindo a minha posição relativamente a divisões, eixos, uniões, esquerdas e direitas ou outras confissões traduz-se em:






Sem comentários:

Enviar um comentário