22 março 2012

Serviço Universal de Telecomunicações??? WTF...!?


O que é o Serviço Universal de Telecomunicações?

Confesso que não sei... Mas tenho duas hipóteses para explicar o fenómeno!

1ª hipótese- Um serviço gratuito (atenção à palavra "gratuito", tal como na TMN o custo de adesão é de 10 euros, com um período de fidelização de um ano...) e universal de telecomunicações, que me permite ligar para qualquer ponto do Universo...
Onde as comunicações, são facturadas ao segundo, com preços especiais para chamadas interplanetárias e intergalácticas!
Falta só lançar as páginas amarelas espaciais, para poder confirmar os indicativos de cada planeta... Dentro e fora deste sistema solar!

2ª hipótese- Mais uma treta neoliberal, made in UE, para nos extorquir dinheiro, aumentar os preços e retirar o controlo das nossas comunicações...
Atirando o benemérito Zeinal Bava para uma qualquer longa fila do centro de emprego...!

Estou indeciso!
Este é um daqueles dilemas que ilustra o famoso adágio brasileiro...


"Se correr, o bicho pega... Se ficar, o bicho come!"

Há 2 anos que o Tribunal Europeu condenou Portugal, por não promover o serviço universal... A sentença não foi aplicada e agora a comissão europeia, insiste na aplicação da pena!

Uma multa (ou duas...) de 38984 + 7571 euros... por dia! Durante dois anos...
E o tempo que faltar até à universalização das telecomunicações...
Qualquer coisa como 34 milhões de euros, acrescentando 46 555 euros diários!
Bons negócios, que a comissão europeia faz, numa ingerência metediça e extorsionista!

Claro que não podemos defender a PT, que ainda cobra assinatura mensal, que imprime uma série de impostos inconcebíveis na sua factura, que presta um mau serviço pelos valores que cobra e cujo embuste TDT, contempla apenas 4 canais em sinal aberto, para lucrar com a (quase obrigatória...) adesão ao cabo!

Um autêntico pau de dois bicos...
Mas o engraçado disto tudo, é que independentemente do desfecho desta novela universal, o português pagará mais, por um serviço que deveria ser tendencialmente gratuito...

Para pagar a multa, basta exportar o Catroga, o Mexia e o Zeinal e ainda ganhamos uns trocados para investir nos estaleiros de Viana, cujos os serviços ao país são bem mais necessários do que qualquer uma destas 3 personagens...

Mas o mais cómico, é ver a Comissão Europeia preocupada com um serviço universal... Quando apenas na terça feira, em pleno século XXI, chegou a luz eléctrica a uma casa de Sátão...
E tanto quanto sei... Sátão não fica noutra galáxia!
Ide, ide roubar as vossas mãezinhas...

Sem comentários:

Enviar um comentário