02 fevereiro 2012

Uma missiva de António Hermita para o Farplex



O mundo ocidental há muito que se encontra adormecido.
Metido num status quo que não anda, nem desanda para o povo...
A favor dos "grandes", esquecemo-nos de como se muda realmente o que está mal.
Com o Povo em massa a lutar...pacificamente...
Ou não pacificamente se nos obrigarem a tal...
Afinal de contas, temos sangue a correr nas veias e não chips na cabeça para nos controlarem...
Sim, começamos a despertar, mas tem sido apenas um abrir e fechar de olhos...um tilintar para a liberdade!

Nós Portugueses, não queremos para nada essa porcaria de ser europeus, e quem diz o contrário disto, apesar de ter todo o direito de o fazer, diz de barriga cheia ou não sabe o que diz...
O dinheiro que veio da europa no inicio e agora, foi só para nos fazer europeus e escravos de quem manda na europa e no mundo...
Mas o que devemos querer dizer á europa é que não terá outro remédio senão a submeter-se num futuro proximo à verdadeira maneira portuguesa de ser ...Sem pressões economicas no mundo!

O que digo é que não morrerei até ver este sistema desaparecer para sempre.
A Revolução, assim com R grande, está proxima meus Irmãos.
Se o quiserem definitivamente, ou ainda estão com dúvidas?
Começará em Sintra porque é assim que terá de ser, e seguidamente em todos os Municípios do nosso País. Do Norte, que venha de lá outra Maria da Fonte também...

Por fim, para embalar a nossa alma neste Inverno gelado, uma musica especial e a rigor...Até à primavera ou antes, amigos desconhecidos !

( Se eles usam a táctica do medo, porque não a usaremos nós também...? Seria porventura chato, perderem o poleiro e mais alguma coisa. Só nos falta ver o desfecho...).

Ass: António Hermita 


Sem comentários:

Enviar um comentário