25 janeiro 2012

#9- Eurostate Debt Star


Hoje é um dia histórico, como ontem foi e amanhã será...
Vivemos em pleno, a mudança de uma era!
E diariamente somos obrigados a romper com velhos paradigmas que não nos servem, como espécie que somos!

Hoje a Alemanha vendeu dívida a 30 anos pelo mínimo juro possível...
E Portugal vendeu dívida a 5 anos pelo máximo juro de sempre...

Um "iluminado" da Bloomberg, veio dizer que Portugal será o assassino do eurostate...
Por ser o seguidor natural da Grécia no default e com isso demonstrar por a+b que o risco de default no eurostate é sistémico...
Por ser o segundo a falir!
Chegando mesmo, a ter a ousadia de comparar o presente, com o tratado de Tordesilhas...

Há aqui várias escalas de "abutrização" de Portugal... Qual é que o leitor prefere que eu insulte primeiro!?

Comecemos pelos americanos, a braços com umas presidenciais em 2012 e muito "telhado de vidro", é bom que as atenções estejam focadas na Europa, enquanto continuam a imprimir papel sem valor e sem noção do quanto já imprimiram...
Para manobrar as atenções, existem as tão afamadas, agências de rating, criadas pelos próprios bancos que estoiraram a bolha imobiliária de 2008 (Goldman Sachs & friends)...
Assim os EUA enquanto inundam os mercados num mega dumping de títulos de dívida, tentam esconder esta realidade dos Chineses, cliente e fornecedor nº 1...
O menino da Bloomberg deve ser um avençado, da Goldman...
Obama quer ganhar novamente a presidência...
Para poder esfrangalhar à vontade a Síria e o Irão...! A especulação aos preços do petróleo anda em alvoroço com o "escalar de tensões" com o embargo económico ao Irão...

A seguir vem a Europa, uma outra espécie de abutres...
Numa reedição de um qualquer império Europeu com origem no império Romano...
A Alemanha canibaliza todos os estados membros em seu redor, evidenciando um poderoso crescimento económico e uma pujante industria, tudo fruto da sua ultra dívida e especulação sobre estados mais pequenos, como Portugal...
Portugal é apenas um contribuinte do Wermacht... A máquina de guerra Alemã!
Mas a nossa economia é deveras pequena para afundar o eurostate...Tão pequena que o País pode quase ser comprado na totalidade por uma mega empresa, ou banco a preço de saldos na crise forçada...

Depois dentro do nosso próprio País, as nossas instituições públicas estão também elas abutrizadas...
Seguidoras e ao mesmo tempo reféns, de uma subsidio dependência de silêncio, ovelhismo, conivência e muita pobreza de espírito à mistura...
Vive-se actualmente em Portugal o mais profundo desprezo pela classe política de que há memória...
Fruto de sucessivos e inconsequentes assaltos à causa pública por grupos de interesse vários, patrocinados pela Europa, pelos EUA, pela China ou outras entidades discretas com agendas obstrépidas...
Sempre com total impunidade!
No final de contas, a Democracia de 1974 é uma mentira...
A dívida, os ratings, os mercados, os dinheiros e os bancos... São puro logro!
As instituições credíveis e os media... Atolados em legislação e informação por conta!
No fundo, todo o quotidiano que nos pintam...
Não passa de uma gigantesca mentira!

Os "enquadramentos" dão corpo à profecia #9 da Exposição de fim de semana Farplex

Sem comentários:

Enviar um comentário