26 janeiro 2012

#11- As responsabilidades do Sistema


Quem é esta gente que me entra pela "casa adentro" à hora do jantar?

Porque carga de água, sou chamado à responsabilidade, por uma troika de agiotas, se nunca contraí um empréstimo na vida?

Para quê pagar taxa, sobretaxa e imposto sobre imposto, senão tenho retorno absolutamente nenhum, daquilo que contribuo para o sistema...?

Porque é que tenho de continuar a financiar e acreditar, num sistema gordo, ineficaz, ineficiente que não responde às minhas necessidades e dos demais Portugueses?

Que me interessa a mim o entupimento económico dos media?

E que podemos esperar das pessoas que se dizem "nossos legítimos representantes"... 
Nunca votei em nenhum deles...
E poupem-me a cantiga da abstenção...
Se votar fizesse a diferença, já tinha sido proibido!
Talvez por isso a "vossa democracia" fascista seja tão avessa a referendos...!

Entretanto, não posso conceber que no mesmo País, onde "gentios" batem no peito e se dizem Europeus...
O salário mínimo seja 485 euros, e a pensão mínima ou RSI não chegue aos 200!
Enquanto se auto orçamentam, no seu sistema gordo, ineficaz e ineficiente com os valores da imagem acima de ânimo leve...
E tudo passa, meus senhores, na impunidade do costume!
Há portugueses a viver na rua, a passar fome, crianças sem comer, sem assistência médica, sem acesso a educação...
Enquanto assim for, não contem comigo para legitimanços...

Vão se foder todos... 
Os de agora, os de antes... (e depois...)
Os de cá e os de lá...!
Tenho dito...

Os responsáveis, entram-nos todos os dias pela "casa adentro"... E no bolso também!


P.S- Obrigado ao Artº 21 pela excelente infografia

Nota: O Direito de resistência está consagrado na Constituição da República Portuguesa.

Sem comentários:

Enviar um comentário