25 janeiro 2012

#10- Será "mamar" uma inevitabilidade?



Foram 5 horas, que durou a reunião da "ajuda externa" Madeirense...
Passos e Jardim, lá (des)acertaram o empréstimo agiota externo para a ilha...

Mas isto é apenas mais um episódio de uma longa novela, que nunca terá fim...

Sócrates tentou o golpe no "cacique" das bananas...
O cacique demitiu-se, reelegeu-se, teve a braços com uma catástrofe natural na ilha (de onde muitos dos prejuízos foram decorrentes de um planeamento urbanístico no mínimo duvidoso...) e pediu 1000 milhões de euros ao pseudo engenheiro filósofo...

Mudámos de governo, descobre-se o que sempre se soube...
O continente (e não falo dos supermercados da sonae...) financia a ilha da Madeira!
O buraco financeiro é imenso...
Presidente e 1º ministro ficam estupefactos (ou seria estúpidos de facto!?), com o sucedido, como se nada soubessem acerca do assunto, fazem-se eleições na Madeira, outra vez...
Nova maioria absoluta para Jardim, com uns lugares extra para o CDS...
Que foi quem lançou o boato do buraco financeiro, desculpando-se com a troika, o tribunal de contas e o INE...
Recados a torto e a direito entre a ilha e o continente...
Mas os foguetes estalaram na mesma durante o reveillon Madeirense!
Jardim aceita a "ajuda externa", fixa o juro e o prazo de pagamento, duma penada só...
Promete pagar, mas não assina, anunciará apenas a decisão em conferência de imprensa...daqui a dois dias!
Entretanto os Madeirenses vão pagar mais IVA, em toda a linha, já a partir de Abril...

Tudo igual, o cacique sempre a mamar  e os patêgos partidários do PSD (ou outros...) a alinhar num esquema com mais de 30 anos!
A normalidade de uma ditadura insular...

A inevitabilidade é a profecia #10 da Exposição de fim de semana Farplex

P.S- Um agradecimento especial ao Henricartoon, pela visão humorada desta "inevitabilidade"

2 comentários:

  1. Convém acrescentar que a maior parte da divida da Ditadura das Bananas é de obras realizadas por empresas madeirenses simpáticas/cúmplices/sócias do polvo,máfia,cambada de fdputa/governo que lá existe.

    O Passos Coelho passou horas a discutir qual a sua percentagem deste golpe, o Cavaco também pediu comissão a seguir.

    Paga Zé Povinho!

    ResponderEliminar
  2. Inevitabilidades, caro amigo...;)
    Tudo se faz para que o pagode continue...
    Eu divirto-me a topá-los.
    Muito embora não seja um fenómeno inédito da ditadura Jardim...
    De uma maneira ou de outra, fica à maneira dele...;)

    ResponderEliminar