10 setembro 2011

Passistas!!! Marchai... Daqui para fora!!!

Caros Passistas:

Sem ser licenciado em economia (palavra que eu julgo sinónimo de poupança...), nem tão pouco, numa universidade de renome sequer, julgo, na qualidade de cidadão, poder apresentar alguns factos do interesse e relevância para todos os Portugueses.
Certamente V Ex.as, não se importam que utilize o meu direito democrático, POIS NÃO?

Então cá vai:

1º- Precisamos saber o que importamos mais.
Em quantidade e em custos para todos os ramos da economia, os custos e a possibilidade de assegurar produção interna, capitalizada num aproveitamento colectivo não canibalista de Portugal.

2º- Estabelecer a comercialização interna "tax free" de produtos nacionais!

3º- Divulgar quais os sistemas de gestão que possuem deficiências produtivas ou carências de quantidade, para que mais se dirijam para esses sectores.
Designar potenciais locais de implementação de iniciativas privadas. Como sejam, locais, regionais ou nacionais.

4º- Preservar o existente em detrimento do novo e desajustado... Alguém daqui a muitos anos agradecerá a herança histórica!

5º- Go green, go clean... Retirar a burocracia do ambiente e apostar na formação e informação, é uma aposta de longo prazo, num País com tremendo potencial para a sustentabilidade natural, edificada ou energética.

6º- Criar 1 imposto extra para produtos da UE e 2 impostos extra para produtos fora da UE.

7º- Cagar nos mercados...Que apenas querem ganhar dinheiro à nossa custa sem sequer saberem o que se passa no País.

8º- Criar uma rede de transportes eficiente que ligue as capitais de distrito.

9º- Aumentar o salário mínimo para 800 euros, actualizando todos os valores salariais até um limite de 5000 euros... Acima deste valor, não haverá qualquer actualização.

10º- Os partidos que não declarem de forma transparente o seu financiamento e as origens do mesmo, serão considerados ilegais e como tal dissolvidos perante o sufrágio dos Portugueses.
Qualquer cidadão poderá ser sufragado independentemente para a assembleia da república, mesmo sem partido político, apenas com a sua identidade nacional.

11º- Os Portugueses serão efectivamente consultados acerca do planeamento estratégico para uma localidade, região, ou País.
Defender activamente os direitos e principios básicos da cidadania, bem estar, salubridade, dignidade.
Sendo estes chamados a votar as principais questões, em "multibancos" de voto, ou seja, em qualquer ponto do País, digam ao CNE para irem já preparando eleições, para não se repetir a barraca do cartão do cidadão!

12º- Ir buscar... Vejam bem... O melhor 1º ministro Chinês da actualidade... Vai vir charters! Abrimos logo uma fábrica de primeiros ministros... "Super especiais" que trabalham 25 horas/ dia... Ou menos!
Se assim for, consulte o ponto 10º... Nacionalizamos todos os Chineses em Portugal!

Fica a sugestão, para quem de direito reflectir acerca do rumo que esta MERDA que fazem está a tomar... Até porque, eu não estou para alimentar os demais "obesos" troikanos, merkelanos ou sarkozyanos
Ide, ide governar os vossos países e deixai Portugal em paz, nada de africanizar aqui o burgo, porque o pessoal está se a passar... mas de fome, com fome o pessoal fica nervoso e em estados alterados a malta é propícia ao tumulto maroto (que o people agora é bués de inteligente e em contacto com o mundo inteiro ao segundo, ui ui!)...
Imagina um desses marotos "crashar" as bolsas do mundo num dia... Para sempre!
Imagina Portugal "ameaçar" a troika e a UE, ao nacionalizar todos os estrangeiros que venham a Portugal, nham!!!
Partidinhas chatas bem sei, mas belíssimas de se fazerem.
Este individuo seria uma espécie de "terrorista económico" mas nada melhor que um exército destes para derrubar a ditadura económica!

1 comentário: