27 abril 2011

A culpa!





A culpa...
Diz-se que morre solteira, que é do "outro" (de fulano, beltrano ou sicrano...) ou do tempo da "outra senhora"...

Na TV diariamente a culpa é minha (pelo menos é isso que me querem fazer crer!), pelo estado actual de Portugal!

Eu, que sou alérgico a créditos, que não tenho casa, carro e me esfalfo num emprego precário muito além das 8 horas diárias, tenho que ouvir os "escribas do sistema" a dizer insistentemente que vivo acima das minhas possibilidades... QUAIS POSSIBILIDADES???

É impressionante a forma vil e ignóbil com que os media viram as pessoas umas contra as outras no sentido de arranjar culpados para uma situação proveniente de uma desgovernança de mais de 30 anos...

A culpa é do RSI, dos desempregados, dos reformados, dos professores, dos médicos, dos juízes, dos empresários, dos funcionários públicos, deste e daquele... Mas nunca de quem teve o poder de fazer algo para o bem de todos e apenas sucumbiu perante a sua própria ganância, à sua própria falta de valores!

É triste ver 4 Presidentes pedirem tudo aos Portugueses, quando os 4 no seu devido tempo não encetaram medidas que nos afastassem da borda do precipício onde estamos a cair!!!
Também não ouvi nenhum deles a prescindir das múltiplas reformas ou das regalias vitalícias que usufruem, bem prega Frei Tomás...

Que os media se preparem para reeleger um 1º ministro demissionário especialista em "marketing rasca" com muita parra e pouca uva, com um executivo de bradar aos céus e uma noção de "Estado Social" digna de uma comédia não fosse a dura realidade para milhões de Portugueses (SIM...Milhões!).

O melhor que arranjam é pagar subsídios de férias e Natal com títulos de um tesouro vazio, suprimir ou minorar o acesso à reforma a quem tem o azar de ser visitado pelo flagelo do desemprego, esquecendo se que o contribuinte paga todos os meses para ter protecção social, no desemprego ou na velhice...

Mas para deputados há "subsídios de reintegração (como se fosse preciso reintegrar alguma coisa...), reformas chorudas ao fim de meia dúzia de anos de serviço e nada disto intefere com a sustentabilidade do que pagamos todos os meses...

Mas a culpa é dos Portugueses... Não dos BPP, dos BPN, dos partidos, dos lobbies, da ganância de cada um que senta as nalgas no poder... A culpa nunca será de quem profere as alarvidades típicas de quem tem um motorista, milhentos acessores, carros topo de gama e uma vida de luxo e mordomias à conta dos culpados, TODOS NÓS!!!!

E eu orgulho-me de nunca ter votado (digam o que quiserem da abstenção...), de não contribuir para legitimar um sistema que não concordo, que não nos serve, que não é útil, que não é eficiente e apenas se tornou numa autêntica mangedoura de porcos, onde todos se empurram para arranjar vez...

E querem mesmo me fazer acreditar que sou eu o culpado desta MERDA toda!!! Culpado seria se continuasse a legitimar este estado de coisas com o meu voto a 5 de Junho...

Agora a culpa é da TROIKA, aquele afamado conjunto de entidades que representa o cobrador do fraque internacional, que nos quererá fazer pagar no mínimo tempo possível tudo o que outros gastaram faustosamente ao longo dos anos em proveito próprio... Vamos mesmo alinhar nesse fenómeno, será que ninguém vê o óbvio logro em que este País se tornou... Sob a diáfana capa de uma Democracia civilizada, vive se a ditadura capitalista mais cínica, vil e podre de que há memória na história da Humanidade...

É oficial, já deixei de ver televisão e pelo menos até 5 de Junho vai continuar assim, ou ainda me arrisco a votar no PS da "Banha da cobra", tal é a lavagem cerebral do grande líder...

Completamente farto de ver sucessivos governos gerirem a coisa pública como o seu mealheiro pessoal, com o nosso aval e contributo!!!

Portugal tornou-se num mix de Animal Farm e 1984... Um verdadeiro pesadelo Orwelliano em pleno século XXI.

Mas eu garanto-vos, a culpa não é minha!

Sem comentários:

Enviar um comentário