25 novembro 2008

Está para acontecer algo de bom...muito bom!!!



Sinto- me estranho ultimamente...

Tenho uma sensação que algo dentro de mim cresce ( não são gases!!!), que vai eventualmente acabar por explodir...

Isto já me aconteceu em várias fases da minha vida e o resultado foi sempre o mesmo, uma radical mudança de atitude em relação a uma série de aspectos que eu não sabia como lidar.

Este boost imenso vai mais uma vez metamorfosear a minha personalidade (não, não me vou transformar em Homem Aranha, ou qualquer outro super heroi de roupas justas!!!), agora só não sei bem onde é que isto vai parar...mas já sinto aquele acréscimo de energia e tento canalizá-la para algo constructivo, pelo menos até me crescerem mais dois dedos numa mão, ou um pequeno braço atrofiado no meio da barriga.
A força com que atiramos coisas pode ser traiçoeira, sobretudo se elas tiverem um elevado coeficiente elástico, que faz com que te acertem com a mesma força e normalmente costuma ser em cheio na testa!!!
Como sempre conduzi a minha vida com a força exterior de um tanque de guerra e a segurança interior de uma scooter, tudo corre bem excepto as facadas que o meu cérebro me dá...
É muito provável que eu esteja a enlouquecer, a minha questão é: Quem não está???
Como se encontra algo que não se sabe o que é, onde está e para que serve... esta é a definição da indefinição...!!!
Tem que existir algo mais para além desta vida sem sal, sem colesterol ou qualquer outro tipo de tempero, nem que seja molho de escabeche.
Todos os problemas que tenho são inexplicáveis, não são problemas sequer...é uma luta interna sobre o que é e o que deve ser...o que foi e o que será, onde fui e onde estarei, porquê e para quê?
Demasiado Metafísico, tanto que absorvo cigarros imensos e bebo para apagar pegadas de um caminho que fui trilhando ao longo dos anos sem me aperceber, sem querer saber onde ia chegar, mas cheguei...e agora que cheguei, vou para onde??? Alguns dirão " Vai onde te leva o coração...", mas não me parece que o Cardiologista, seja o melhor GPS, até porque eu não preciso de GPS. Preciso de um objectivo, ou melhor, vários, curtos concretos concisos, os três C´s...
Preciso de apanhar uma grande carroça com o Pai Natal e desabafar as minhas mágoas, que não são mágoas, não são nada, são fraquezas de uma alma forte e decidida imersa num mar imenso de lodo e matéria fecal que vai lentamente suprimindo a tua capacidade individualista em detrimento do rebanho global...
Do pó vieste ao pó voltarás...Ou és composto por átomos de Carbono que estavam numa bosta de dinossauro... qualquer uma das definições cabe na definição de Ser humano, religioso ou não, para quê tanta merda se somos menos que um grão de pó microscópico no Universo!!!???
E viva o Magalhães... mas não o computador do Sócrates, o vizinho do 6º Direito, que come a mulher que nem um Leão... Esse sim, é que a leva literalmente direita!!!
Viva Portugal e a versão Anarquista da Manuela Ferreira Leite, que com tanto tiro no pé, já deve andar ao tiro na anca...
Portugal esse país tão à frente que a recessão só chega para o próximo ano, porque este ano ainda estamos em alta...Alta falência!!!
Desconfio que no próximo ano não temos recessão nem défice nem impostos, porque é ano de eleições...
Ainda estou à espera de um candidato incolor com resistência a pressões elevadas...no fundo alguém com tomates! Mas acho que ainda não é desta que vou votar...
Se os votos em branco contassem, certamente ganhariam as próximas eleições...
Hasta la Vista
Estarei num qualquer local, muito alcoolizado perto de si...
P.S Pensamento Botânico do dia:
Se fosses uma árvore...Fazia- te a folha!!!

2 comentários:

  1. Éihh MEU camarada
    AMIGO E companheiro!

    Também andei assim até ontem, quando fiz uma merda no trabalho.

    Parecia que estava em sintonia completa com o mundo...

    O trabalho k se foda

    o resultado foi este ...

    http://cirrosehemorroidal.blogspot.com/

    Mas a inspiração continua...

    Nada nos pará
    Somos nós
    Os Fama Boys

    ResponderEliminar
  2. Olé! Um devaneio bem ao meu estilo. Sinceramente nem sei o que dizer... Já me aconteceu tanta vez...

    Que esse "enchimento" que sentes agora seja bem aproveitado. E não temos de nos resignar ao nosso tamanho. Podemos sempre resignar-nos ao nosso potencial.

    ResponderEliminar