19 fevereiro 2007

A Humidade

Desdes os tempos mais remotos da história da Humanidade que o factor humidade se mostra preponderante no que diz respeito ao comportamento das sociedades.
Quando à obras em casa, a tinta não seca, é por causa da humidade, o electricista não trabalha, é a humidade, rachas na parede ou bolor, já se sabe que é da humidade...
Os velhinhos queixam-se das articulações e dos males de reumático devido à humidade...
E quem é que nunca ouviu emigrantes de países com neve, comparar o frio de outros países com o frio em Portugal, claro que o frio estrangeiro é melhor, porque o nosso é muito húmido...
No carro o vidro embacia...é da humidade, ou então de uma valente sessão de sexo, num qualquer domingo à tarde no meio do monte (o vulgarmente designado por:"namoro de queca de fim de semana", fenómeno mais recorrente nas aldeias!!!
E aí, sim é que a humidade se mostra útil, eficaz e vantajosa, no sexo...a humidade promove o sexo e consequentemente a reprodução das espécies, o que me leva a concluir que apesar de todos os malefícios e incómodos da humidade, é graças a ela que estamos vivos, devemos à humidade a existência de todos os organismos vivos... Portanto quando alguém se pronunciar acerca da humidade, que o faça com o devido respeito que ela merece!

Sem comentários:

Enviar um comentário